Conheça mais de 50 canabinoides encontrados na maconha

Ao falar ou ler sobre os canabinoides que podem ser encontrados na planta da cannabis, os principais protagonistas são quase sempre o THC ou o CBD, mas na planta podemos encontrar mais de 480 componentes naturais e entre eles existem mais de 100 canabinoides.

Delta-9-tetrahidrocanabinol (THC) e Canabidiol (CBD) são os dois canabinoides mais conhecidos e estudados de todos eles. Porém, a ciência não para de nos surpreender e cada vez que estudam mais profundamente a planta, sempre recebemos notícias mais agradáveis.

Fitocanabinoides e endocanabinoides

Os canabinoides são chamados de endocanabinoides quando produzidos pelo corpo humano. Os fitocanabinoides são canabinoides que ocorrem naturalmente nas plantas de cannabis.

Os canabinoides da maconha podem ser encontrados principalmente na substância viscosa e no tipo de resina que produzem, estruturas ou células glandulares chamadas tricomas. Existem vários tipos de tricomas, tais como Simples, Citolíticos, Glandular Sésseis, Antrais Sésseis, Bulboso ou Glandulares ajustados.

O que são canabinoides?

Como comentamos anteriormente, os canabinóides são uma substância química produzida pela cannabis e outras plantas, e existem muitos tipos diferentes. Esses fitocanabinoides protegem a planta dos raios ultravioleta, das pestes e dos predadores.

O corpo humano produz naturalmente seus próprios canabinoides, os chamados endocanabinoides. Essas substâncias são responsáveis ​​por regular funções importantes como a resposta imunológica do organismo, o sono, o humor ou o controle da dor. Quando o corpo não produz endocanabinoides em quantidade suficiente, ocorrem graves problemas de saúde. É nesse momento, quando os canabinoides (ou fitocanabinoides) criados pela maconha, podem ir perfeitamente repondo aquela carência que nosso corpo não produz nas quantidades necessárias.

Os endocanabinoides produzidos pelo corpo humano, bem como os fitocanabinoides, encaixam-se perfeitamente em nosso sistema endocanabinoide.

Sistema endocanabinóide

O sistema endocanabinoide é composto de receptores canabinoides e endocanabinoides de forma semelhante a uma chave que entra em uma fechadura. Os endocanabinoides são ligantes endógenos produzidos por diferentes células do corpo e atuam como uma chave perfeita, ligando-se aos receptores. Esse encaixe perfeito, como uma chave entrando em sua fechadura, é responsável por produzir mudanças dentro das células e levar à ativação e funcionamento do sistema endocanabinoide em processos fisiológicos.

Na verdade, esse sistema natural do corpo tem a ver com uma grande variedade de processos fisiológicos importantes, como a modulação da liberação de neurotransmissores, a regulação da percepção da dor, as funções cardiovasculares, gastrointestinais ou hepáticas.

É denominado “sistema endocanabinoide” porque este sistema endógeno (ou natural do nosso corpo), por sua vez, também funciona perfeitamente com os fitocanabinoides; são como outra chave que se encaixa perfeitamente nos receptores canabinoides. Além do mais, essa “chave” também produz alguns efeitos semelhantes e diferentes do que a chave do corpo original ou os endocanabinoides.

Os diferentes canabinoides na cannabis

Existem mais de 110 canabinoides diferentes, possivelmente 113, mas nem todos foram estudados e as propriedades de cada um deles são completamente desconhecidas.

Vamos citar alguns e por famílias, um grande número desses diferentes canabinoides que se encontram na maconha e que são mais conhecidos ou chamam a atenção.

Canabicromenos

  • Canabicromeno (CBC)
  • Ácido canabicromênico (CBCA)
  • Canabicromevarina (CBCV)
  • Ácido canabicromevarínico (CBCVA)

Canabiciclois

  • Canabiciclol (CBL)
  • Ácido canabicíclico (CBLA)
  • Canabiciclovarina (CBLV)

Canabidiois

  • Canabidiol (CBD)
  • Éter monometílico de canabidiol (CBDM)
  • Ácido canabidiólico (CBDA)
  • Canabidiorcol (CBD-C1)
  • Canabidivarina (CBDV)
  • Ácido canabidivarínico (CBDVA)

Canabielsoins

  • Ácido canabielsóico B (CBEA-B)
  • Canabielsoína (CBE)
  • Ácido de canabielsoína A (CBEA-A)

Canabigerois

  • Canabigerol (CBG)
  • Éter monometílico de canabigerol (CBGM)
  • Ácido canabigerólico (CBGA)
  • Éter monometílico de ácido canabigerólico (CBGAM)
  • Canabigerovarina (CBGV)
  • Ácido canabigerovarínico (CBGVA)

Canabinois e canabinodiois

  • Canabinodiol (CBND)
  • Canabinodivarina (CBVD)
  • Canabinol (CBN)
  • Éter metílico de canabinol (CBNM)
  • Canabinol-C2 (CBN-C2)
  • Canabinol-C4 (CBN-C4)
  • Ácido canabinólico (CBNA)
  • Cannabiorcool (CBN-C1)
  • Canabivarina (CBV)

Canabitriois

  • 10-etoxi-9-hidroxi-delta-6a-tetrahidrocanabinol
  • 8,9-dihidroxi-delta-6a-tetrahidrocanabinol
  • Canabitriol (CBT)
  • Canabitriolvarina (CBTV)

Delta-8-tetrahidrocanabinois

  • Delta-8-tetrahidrocanabinol ( Δ  8  -THC)
  • Ácido Delta-8-tetrahidrocanabinólico ( Δ  8  -THCA)

Delta-9-tetrahidrocanabinol

  • Delta-9-tetrahidrocanabinol (THC)
  • Delta-9-tetrahidrocanabinol-C4 (THC-C4)
  • Ácido Delta-9-tetrahidrocanabinólico A (THCA-A)
  • Ácido Delta-9-tetrahidrocanabinólico B (THCA-B)
  • Ácido Delta-9-tetrahidrocanabinólico-C4 (THCA-C4)
  • Delta-9-tetrahidrocanabiorcol (THC-C1)
  • Ácido Delta-9-tetrahidrocanabiorcólico (THCA-C1)
  • Delta-9-tetrahidrocanabivarina (THCV)
  • Ácido delta-9-tetrahidrocanabivarínico (THCVA)

Mais canabinoides

Esses canabinoides não foram colocados em uma classe, pois não há certeza de qual classe eles pertencem.

  • 10-oxo-delta-6a-tetrahidrocanabinol (OTHC)
  • Canabicromanon (CBCF)
  • Canabifurano (CBF)
  • Canabiglendol
  • Canabiripsol (CBR)
  • Canbicitran (CBT)
  • Desidrocanabifurano (DCBF)
  • Delta-9-cis-tetrahidrocanabinol (cis-THC)
  • Triidroxi-delta-9-tetrahidrocanabinol (triOH-THC)

Esses não são todos os canabinoides da planta e nem todos sequer foram investigados, seriam os mais conhecidos entre os mais de 110 conhecidos. Os estudos com eles e dos quais não nomeamos, bem como suas propriedades, quantidades ou combinações, ainda não surpreenderam os pesquisadores.

Rudolf Brenneisen, da Universidade de Berna, é pesquisador e autor da “Química e análise de fitocanabinoides e outros constituintes da cannabis” e documentou muitos desses canabinoides.

Referência de texto: La Marihuana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s